quinta-feira, 20 de maio de 2010

O Mar

Hoje eu acordei
Querendo ver o Mar
O meu Mar
Aquele que fica longe

O céu me fita
Encaro de volta
Abraço-o
Enlaço-o

Sol e chuva, chuva e sol
O cheiro de terra molhada
Ainda espero por ele

Está mais perto que longe
O cheiro que tanto anseio
O calor que tanto penso



Lívia Otero - 20/5/10

1 comentários:

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.